O QUE É EXPOSIÇÃO RESULTADOS CÂMERA ESCURA PINHOLE FOTOGRAFIA PLANALTINA REFERÊNCIAS MULTIMÍDIA MEMORIAL EXPEDIENTE CONTATO

O que é?

A exposição "Planaltina no buraco do alumínio" é composta por 15 fosfotos – imagens capturadas por câmera feita de caixa de fósforos. A exibição corresponde ao Trabalho de Conclusão de Curso em Jornalismo de Juliana Mendes no Instituto de Educação Superior de Brasília (IESB).

O objetivo do evento foi verificar como é possível desenvolver uma prática de fotografia baseada na subjetividade e na ausência de um referencial facilmente identificável

O público foi convidado a acessar o site da exibição no período de 1° a 15 de maio de 2009. Os participantes, então, interpretaram os vários sentidos das imagens e criaram legendas para expressar diferentes idéias e percepções.



A exposição continuou durante os dias 15, 16 e 17 de maio no Museu Histórico e Artístico de Planaltina. No último dia do evento, a expositora ofereceu oficina para aproximadamente 20 pessoas e ensinou como construir uma câmera de fosfoto.

As fotos da exibição são do Centro Histórico de Planaltina, Região Administrativa, localizada a 40 km da Praça dos Três Poderes. O Centro Histórico se situa no Setor Tradicional da localidade e é formado pelo Museu Histórico e Artístico de Planaltina, pela Igreja de São Sebastião e por duas praças. As imagens foram produzidas com três câmeras confeccionadas com a técnica do pinhole, ou "buraco da agulha".

Cada grupo de três fotos foi acompanhado por uma manchete e cada imagem por uma legenda provisória. Após o envio das sugestões, os textos propostos foram analisados e os resultados são apresentados nesta plataforma eletrônica.